Poeminha noturno

Imagem

Às vezes tudo se vai

E fica o nada

Como companhia

Às vezes tudo vem

E fica o cheio

Como sentimento

Às vezes tudo se vai

E fica o cheio

Como companhia

Às vezes tudo vem

E fica o nada

Como sentimento

Às vezes tudo se nada

E fica o sentimento

Como companhia

Felippe R.

Abril/2012

3 Respostas to “Poeminha noturno”

  1. Dimitri Martins Says:

    Assim eu filosofava no Sartre, doze anos atrás: “O nada é alguma coisa”…

  2. framos Says:

    No Sartre, e a la Sartre.

  3. Dimitri Martins Says:

    Genial seu comentário. Abs.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: